Política de Saúde no Piauí: descentralização de recursos financeiros e resultados por estratos municipais

Autores

  • Jorge Otávio Maia Barreto Coordenação Editorial - Editora Executiva - Editora Associada Tecnologia da Informação, Educação e Comunicação em Saúde - Universidade de Brasília - Núcleo de Estudos de Saúde Publica
  • Inez Sampaio Nery

DOI:

https://doi.org/10.18569/tempus.v8i3.1570

Resumo

As políticas de saúde no Brasil se operacionalizam através do Sistema Único de Saúde (SUS), o qual foi concebido com escopo universal dentro do movimento denominado Reforma Sanitária e tem sua idealização estreitamente ligada à proclamação da saúde como direito de cidadania garantido pela Constituição Federal de 19881. Os princípios informativos do SUS, sobre os quais toda a sua organização deve se fundamentar, são: a integralidade, universalidade e equidade no acesso à saúde.

Biografia do Autor

Jorge Otávio Maia Barreto, Coordenação Editorial - Editora Executiva - Editora Associada Tecnologia da Informação, Educação e Comunicação em Saúde - Universidade de Brasília - Núcleo de Estudos de Saúde Publica

Professora adjunta do Departamento de Saúde Coletiva, da Universidade de Brasília (UnB). Possui doutorado em Ciência da Informação pela UnB, mestrado em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, especialização em Administração da Comunicação Empresarial e graduação em Jornalismo e Relações Públicas. Atualmente é coordenadora do Centro de Tecnologias Educacionais Interativas em Saúde, da Faculdade de Ciências da Saúde (CENTEIAS/FS) e pesquisadora colaboradora do Núcleo de Estudos em Saúde Pública da UnB (NESP/CEAM/UnB), onde coordena a Unidade de Tecnologias da Informação e Comunicação em Saúde. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Informação em Comunicação em Saúde Coletiva (CNPq-Brasil). Foi consultora em projetos de inclusão digital para o Ministério das Comunicações. Tem experiência nas áreas das Ciências da Informação e da Comunicação com ênfase em Comunicação da Informação, atuando principalmente nos seguintes temas: informação e comunicação em saude, tecnologias da informação e comunicação em saúde, inclusão digital, alfabetização em informação e em comunicação, redes sociais e ensino a distância.

Downloads

Publicado

2014-12-24

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS